Galeria de imagens mostra como foi a ocupação Guarani em São Paulo

Printer-friendly version

Cerca de 50 indígenas da etnia guarani das aldeias localizadas na Grande São Paulo entraram na tarde de quarta-feira (16/4) no espaço interno do Museu Anchieta, localizado no Pateo do Collegio, centro de São Paulo.

Interromper temporariamente as atividades do Museu, que celebra o local de fundação da cidade e início da colonização, foi a forma encontrada pelos habitantes originários de São Paulo para cobrar do Ministério da Justiça a emissão das Portarias Declaratórias que garantem a demarcação das Terras Indígenas Tenondé Porã e Jaraguá, já reconhecidas pela Funai.

Os indígenas também protestam contra decisão judicial que determina o despejo de cerca de 700 guaranis da aldeia Tekoa Pyau, localizada no Pico do Jaraguá, e que faz parte da área reivindicada como de sua posse tradicional.

Veja algumas imagens e saiba mais sobre a Campanha Resistência Guarani SP