Estados da Mata Atlântica se comprometem a zerar desmatamento ilegal até 2018

Versão para impressão

Secretários de Meio Ambiente de 15 dos 17 Estados da Mata Atlântica assinaram a carta conjunta Nova História da Mata Atlântica, documento articulado pela Fundação SOS Mata Atlântica em que se comprometem a ampliar a cobertura florestal nativa e a zerar o desmatamento ilegal no bioma até 2018. Assinaram o documento os estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo, Santa Catarina, Sergipe. Goiás e Mato Grosso do Sul não assinaram mas ainda podem aderir ao documento.
Leia a carta na íntegra.

Comentários

O Instituto Socioambiental (ISA) estimula o debate e a troca de ideias. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião desta instituição. Mensagens consideradas ofensivas serão retiradas.