Quilombos do Vale do Ribeira (SP) festejam, dias 17 e 18 de agosto, sua 11ª Feira de Sementes

Programa: 
Versão para impressão




Evento gratuito em Eldorado (SP) celebra a importância das roças tradicionais e a preservação da cultura quilombola com shows e debates, além de muitas sementes crioulas, mudas tradicionais e produtos da terra para experimentar

Há 11 anos, as comunidades quilombolas do Vale do Ribeira (SP) e seus parceiros organizam a feira de troca de sementes e mudas. A ideia ganhou corpo em 2008 e a praça Nossa Senhora da Guia, em Eldorado, tornou-se o palco da festa quilombola. Daí em diante, só fez crescer.

Um paiol de sementes foi inaugurado em 2016 – um banco de sementes para conservar e preservar uma amostra completa das variedades agrícolas cultivadas nos quilombos da região. E, a cada ano, novas variedades aparecem e são incorporadas a uma lista de fazer inveja aos pesquisadores mais exigentes.

A feira deste ano (acesse aqui o evento no Facebook) tem como tema os Sistemas Agrícolas Tradicionais, que fazem parte do modo de vida de quilombolas e outros povos no Brasil e em várias partes do mundo.

O Sistema Agrícola Tradicional dos Quilombos do Vale do Ribeira está à espera de seu reconhecimento como patrimônio cultural do Brasil por parte Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional)– passo fundamental para a preservação da cultura dessas populações.

Assista ao vídeo abaixo sobre a Feira de Troca de Mudas e Sementes em 2017

Troca de experiências

As conversas e os debates sobre sistemas agrícolas vão acontecer em seminário no dia 17 de agosto, véspera da feira, no dia 18, quando os quilombolas do Vale do Ribeira trocarão experiências com os quilombolas apanhadores de flores sempre vivas da Serra do Espinhaço, em Minas Gerais.

Tanto no Vale do Ribeira, quanto na Serra do Espinhaço, esse povos tradicionais sofrem restrições ao seu modo de fazer roça, chamada por eles de “roça de toco”. Os desafios e as ameaças para a manutenção desses sistemas serão alvos do debate na primeira mesa do seminário e estão intimamente ligados a uma cultura, a um modo de vida singular e à segurança alimentar.

(Clique aqui e saiba mais informações sobre o sistema agrícola dos apanhadores de flores sempre vivas.)

A segunda mesa trará representantes de governo – Iphan e Secretaria Especial de Agricultura e Desenvolvimento (Sead), vinculada à Casa Civil da Presidência da República, além da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). Eles vão contar como essas organizações enxergam os sistemas agrícolas e quais as suas competências para apoiar sua salvaguarda.

Já a terceira mesa será dedicada ao lançamento de uma campanha em defesa das roças tradicionais.

Tanto o seminário quanto a feira trazem uma novidade nesta edição: um espaço dedicado às crianças. Uma oficina a ser realizada com apoio do SESC-Registro vai introduzir as crianças no tema do território de forma lúdica.

Confira abaixo a programação.

Dia 17/08
Seminário Sistemas Agrícolas Tradicionais
Salão Paroquial de Eldorado
Das 10h às 18h

Mesa 1 – Sistemas Agrícolas Tradicionais
Representantes dos quilombos do Vale do Ribeira - João da Mota (quilombo Nhunguara), Hermes Modesto Pereira (quilombo Morro Seco) e Vanilda Donato dos Santos(quilombo Porto Velho);
Representantes dos Apanhadores de sempre vivas – Maria de Fátima Alves e Imir Vales

Mesa 2 – A visão dos Sistemas Agrícolas Tradicionais por representantes de governo
Com FAO, Iphan e Sead

Mesa 3 – Lançamento da campanha "Tá na hora da roça"
Com Assis Pereira (quilombo André Lopes) e Elvira Morato (quilombo São Pedro).

Dia 18/08
11a. Feira de Troca de Sementes e Mudas
Praça Nossa Senhora da Guia, Centro, Eldorado (SP)
Das 8h às 13h

Expositores: quilombolas, indígenas e agricultores familiares da região
Barracas com sementes, mudas, ramas, produtos da roça e artesanato

Apresentações culturais: Nhá Maruca (quilombo Sapatu), Fandango (quilombo Morro Seco), Puxirão Bernardo Furquim (quilombo São Pedro) e show de encerramento com Paulinho Dafilin, que cantou com Jair Rodrigues e teve algumas de suas composições gravadas por Maria Bethânia, Gal Costa, Luciana Mello e Daniela Mercury.

Informações importantes

Seminário e feira são abertos ao público e gratuitos
Endereço: Praça Nossa Senhora da Guia, Centro, Eldorado (SP)
Estacionamento: nas ruas adjacentes à praça, gratuito
Acessibilidade: rampas de acesso no Salão Paroquial e na praça; banheiros acessíveis a cadeirantes no Salão Paroquial

Comentários

O Instituto Socioambiental (ISA) estimula o debate e a troca de ideias. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião desta instituição. Mensagens consideradas ofensivas serão retiradas.