Aliança pela Água propõe força-tarefa para gerir a grave crise hídrica de São Paulo

A proposta Chamado à Ação sobre a Crise Hídrica: Por um Plano de Emergência para o Estado de São Paulo, divulgada nesta segunda-feira (9/2), inclui a criação de uma força-tarefa envolvendo governo federal, estadual e prefeituras, compartilhando responsabilidades e com ampla participação da sociedade civil
Versão para impressão

A Aliança pela Água de SP, coalizão da sociedade civil que inclui ONGs - o ISA entre elas - especialistas e movimentos sociais, divulgou esta manhã (9/2) a proposta Chamado à Ação sobre a Crise Hídrica: Por um Plano de Emergência para o Estado de São Paulo. Entre as propostas está a criação de uma força-tarefa envolvendo governo federal, estadual e prefeituras, compartilhando responsabilidades e com ampla participação da sociedade civil. Leia aqui o documento na íntegra.

Debate explica o Chamado à Ação ao vivo

Às 20h, um painel de jornalistas convidados pelo Fluxo entrevista a especialista Marussia Whately, da Aliança pela Água, que vai explicar o Chamado à Ação ao vivo por streaming no canal www.fluxo.net

Ficha do streaming
:
Especialista:
Marussia Whately - Aliança pela Água

Jornalistas Convidados:

Antônio Martins - Outras Palavras/ Conta d'Água
Barbara Gancia – colunista
João Wainer - repórter especial Folha de São Paulo
Claire Rigby - correspondente internacional

Mediação:

Bruno Torturra

ISA
Imagens: 

Comentários

O Instituto Socioambiental (ISA) estimula o debate e a troca de ideias. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião desta instituição. Mensagens consideradas ofensivas serão retiradas.