Direitos Indígenas

Editorial do ISA. O eterno retorno dos massacres contra índios no Mato Grosso do Sul

Em editorial, o ISA chama a atenção para mais um assassinato de indígena no Mato Grosso do Sul, ocorrido nesta semana. O caso aconteceu na região de Caarapó, no sul do estado, onde já havia acontecido outro assassinato e outros ataques de milícias armadas de fazendeiros contra os Guarani Kaiowa

O que o governo Dilma fez (e não fez) para garantir o direito à terra e áreas para conservação?

O ISA publica a partir de hoje série de reportagens com balanço da política territorial do governo Dilma. Você vai saber mais sobre o que foi feito, nesses cinco anos, para oficializar Terras Indígenas, Unidades de Conservação, Territórios Quilombolas e Assentamentos de Reforma Agrária. Texto de hoje traz dados e análises sobre Terras Indígenas

Organizações lançam campanha ‘O governo é provisório, nosso direito é originário!’

Um conjunto de organizações e movimentos sociais indígenas, indigenistas e ambientalistas, incluindo o ISA, lançou hoje a campanha "O governo é provisório, nossos direitos são originários!" contra a possível revogação de atos de demarcação de Terras Indígenas expedidos recentemente pelo governo de Dillma Rousseff. Participe mandando um email para o presidente interino e o ministro da Justiça

Apib divulga carta aberta ao governo Temer contra retrocessos nos direitos indígenas

A Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) divulgou carta aberta ao governo interino de Michel Temer, afirmando que não admitirá retrocessos nos direitos indígenas

Após mobilização de Guarani Kaiowa, Funai reconhece TI Dourados-Amambai Pegua I (MS)

Publicação do relatório de identificação e delimitação da TI, com 55.600 hectares, no sul de Mato Grosso do Sul, é o último ato de João Pedro Gonçalves da Costa à frente do órgão indigenista

Acampamento Terra Livre termina com promessa de nova mobilização indígena ainda neste ano

Avaliação de lideranças indígenas de todo País é que o acampamento teve resultado positivo. Elas deixaram claro que não aceitarão nenhum retrocesso em seus direitos no novo governo

Presidente da Funai promete publicar três relatórios de identificação até o fim da semana

João Pedro Gonçalves da Costa fez a afirmação no segundo dia do Acampamento Terra Livre, em Brasília. Ele confirmou que há cerca de dez processos de demarcação aguardando apenas a assinatura do decreto de homologação pela presidente Dilma Rousseff. Informação contraria fala da própria Dilma

Páginas