Governo propõe ao Congresso cortar 350 mil hectares de floresta no Pará

Planalto cede a pressão de ruralistas e envia projeto de lei retalhando a Floresta Nacional do Jamanxim; medida é vista como anistia a ocupações ilegais na unidade de conservação, a mais desmatada da Amazônia. Do Observatório do Clima
Versão para impressão

DO OC – O governo federal cedeu às pressões da bancada ruralista e enviou nesta quinta-feira (12) ao Congresso Nacional um projeto de lei propondo o corte de 349.085 hectares da Floresta Nacional do Jamanxim, no Pará. O PL substitui a polêmica Medida Provisória 756, que tiraria 486 mil hectares da unidade de conservação e foi vetada no mês passado pelo presidente Michel Temer. Leia a notícia na íntegra.

Observatório do Clima
ISA
Imagens: 

Comentários

O Instituto Socioambiental (ISA) estimula o debate e a troca de ideias. Os comentários aqui publicados são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião desta instituição. Mensagens consideradas ofensivas serão retiradas.